casamentogayamericaNas últimas semanas, a Suprema Corte dos EUA legalizou o casamento gay no país americano. A decisão, em comparação com a que em 1954 tornou ilegal a segregação racial nas escolas, fecha uma era da discriminação em matéria de direitos contra gays e lésbicas. O mesmo Presidente Obama disse: “Quando todos os americanos são tratados como iguais todos são mais livres.”.

Embora nem todo mundo compartilhe sua satisfação, por exemplo, o atual juiz presidente dos Estados Unidos, John Roberts, usou essas palavras para justificar sua opinião divergente da decisão: “É impressionante ver como o raciocínio da maioria sobre esta questão iria trabalhar com força total do direito fundamental da demandante ao casamento plural”. Ao dizer plural, quer dizer grupal.

Casamentos entre mais de duas pessoas. Essas palavras parecem ter despertado um debate dormente que promete se animar nos próximos meses. Graças à legitimidade do casamento homossexual, a poligamia está de volta nas colunas da visão de muitos meios de comunicação norte-americanos. Quando há dois anos, a Suprema Corte dos EUA invalidou a Lei Federal para a Defesa do Casamento (DOMA, por sua sigla em Inglês), também se trouxe à tona o debate sobre a poligamia.

A DOMA estava se referindo ao casamento como “a união legal entre um homem e uma mulher como marido e mulher.” Ao determinar a definição da lei era constitucionalmente restritiva, o tribunal também questionou, talvez involuntariamente, a limitação numérica que introduz essa definição.

O primeiro a tirar proveito dessa lacuna foi Nathan Collier. Inspirado pelas palavras do juiz Roberts, este cidadão de Montana acabou de aplicar um pedido para legalizar seu relacionamento poligâmico. “Eu tenho duas esposas, porque eu amo duas mulheres e eu quero que minha segunda mulher tenha os mesmos direitos e eu possa dar a mesma proteção que dou à primeira.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s