Atualmente, no estado de São Paulo é lei: todas as mulheres tem o direito de amamentar seu filho em qualquer lugar, sem ser incomodada por ninguém. Quem não respeitar isso pode ser multado. O estabelecimento que proibir ou constranger a mulher de amamentar pode ser objeto de multa, que gira em um valor de R$ 500. Esse é uma leamamentar em publicoi que vai ajudar a proteger as mães, os seus direitos e os de os filhos.

Algumas mães foram perguntadas sobre o assunto. Algumas falaram que se seu filho tiver fome ela agora pode dar o peito sem se sentir constrangida. Mesmo se tiver gente olhando com cara de reprovação. “Se reclamar, eu não vou mudar minha atitude. Vou continuar amamentando, porque é um direito que a gente tem”.

Frente a estes acontecimentos, é importante relembrar que a Organização Mundial da Saúde recomenda que a alimentação do bebê seja, exclusivamente, no peito até os seis meses de vida e, pelo menos, até que a criança complete os dois anos, claro que incluindo progressivamente outros alimentos. Mas sempre tem pessoas que não acham isso natural.

Várias mulheres já foram juguladas por dar de mamar em lugares públicos impedindo a liberdade de direitos. No meio dessas pressões surgiu então o “mamaço”. O mamaço é uma forma das mães se colocar em protesto contra as circunstâncias de opressão na sua função e responsabilidade materna. Assim declara Fabíola Cassab, do Grupo de Mães Matrice: “Nós todas acreditamos que não exista lugar para amamentar. Todo mundo pode amamentar livremente aonde bem entender, e o Estado tem como obrigação apoiar essa mulher”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s